Uma Semana no Paraíso

luz
Entardecer na Baía dos Golfinhos

Desde que visitei Natal, a capital do Rio Grande do Norte, em Janeiro de 2006, sonhava voltar para passar uma temporada na linda Praia da Pipa, e esse ano consegui uma folguinha e junto com minha irmã e minha prima, montamos nossa viagem.  Visitamos sites do local, entramos em contato com pousadas, traslado, compramos a passagem e embarcamos pra lá, “com a cara e a coragem”.

buganville

O vilarejo é sossegado, e elegante. As construções lembram as fotos que vemos dos litorais da Itália, França, mas isso parece proposital. Conversando com os empreendedores locais, percebemos que a maioria é do Sudeste brasileiro ou do exterior.  Ficamos em uma pousada linda, em questão custo benefício, acho que é a melhor da cidade. Não é a mais luxuosa, mas fica no centro da cidade e na areia da praia ao mesmo tempo. O serviço é excelente, impecável. Café da manhã perfeito!

vista

O café da manhã é servido com essa vista modesta... dá pra acreditar?

O charme das construções é indiscutível, mas o grande atrativo de Tibau do Sul, município ao qual Pipa pertence, é a natureza. Comentei que parece que o criador tirou um dia bem humorado, e disse que ia criar um pedacinho do paraíso escondido no mundo. A cor da água, da areia são perfeitamente calculadas para que o mar seja verde transparente. A incidência do sol sobre a linha do equador, e as correntes marítimas conspiram para que a temperatura da água seja morna, na medida da perfeição. E as falésias, fazem sombra na hora certa, além de mudarem de cor gradualmente com a incidência da luz, variando entre o bege e o rosado.

entardecer

Como se não bastasse, a fauna dá show. Na Baía dos Golfinhos, os tais vêm nadar com os banhistas, é surreal, pra dizer o mínimo. Fora o visual, a foto acima foi feita nessa enseada. Em outras praias, pode-se ver as tartarugas nadando na parte rasa… coisas que a gente da cidade não está acostumado. O mar fez um trabalho tão caprichoso nas rochas, que parecem esculturas, vejam a pedra do Furo:

furo

Pedra do furo - Praia do Amor

Além disso tudo, o destino é muito romântico. Haviam muitos casais por lá… mas cá entre nós, se você já fantasiou uma viagem romântica à uma ilha deserta, a sensação deve ser essa… pegue seu par e fuja pra Pipa! Passe pelo menos uma semana, seu romance agradecerá. Dizem os engraçadinhos locais, que 90% da população foi “produzida” nas mornas piscinas naturais da praia do amor… porque será?

IMG_4966

Outra coisa que gostei foi do serviço de alimentação. Tem todo tipo de cozinha, pra todo gosto, e o preço é bom. Além de ser muito mais ágil do que em Natal. Rapidinho o almoço está pronto, servido e delicioso! Sucos e sorvetes também perfeitos!

 gatos de rua

Bom, teria coisas infinitas pra dizer… que vi e fiz em uma semana. Pra fechar com chave de ouro, eu recomendo que quando estiverem lá, contratem o passeio de 4×4 pra conhecer toda cidade. É muito legal! Há momentos no passeio que a gente se pega pensando “nossa, nunca pensei que veria algo assim na minha vida, pessoalmente…” As paisagens, a cor da água, os pratos, são inacreditáveis! Mas eu não vou ficar aqui falando de todas as coisas, vão e experimentem por si mesmos… viver é bom demais!

chapadao

Anúncios

Quase lá…

Véspera de viagem dá um friozinho na barriga…

pipa2

 

Check list… conferir tudo nas malas…

NATAL154

Mas  o tempo aqui em Beagá me incentiva mais e mais a viajar… abriram as torneiras do céu e não para de chover!!!

praia-de-pipa

 

Só de pensar em passar uma semana tomando um solzinho e curtindo a brisa do mar já revigora!!!

praia-de-pipa1

Adoro Viajar!!!

01biquini

 

E para mim, fazer as malas faz parte do processo de celebrar e saborear cada momento da viagem…

 

00biquini

 

Em breve… diário de bordo!!!

Razões para amar Paris…

Vista aérea de Paris

Vista aérea de Paris

Para comemorar as mais de 10.000 visitas ao meu blog, resolvi falar de um de meus assuntos preferidos: os encantos da cidade Luz!

Tarde em Paris - autor anônimo

Tarde em Paris - autor anônimo

Antes que você me questione: não, eu ainda não visitei Paris, mas acalento esse desejo o tempo todo, e sei, que cada dia que passa, estou um dia mais perto de visitar a cidade dos meus sonhos.

Rio Sena, Notre Dame ao fundo

Rio Sena, Notre Dame ao fundo

Quem me conhece há um tempo, sabe que desde criança quero conhecer a capital da França, e ao acalentar esse sonho, vou colecionando histórias e fatos que me marcam sobre a cidade. Quando visitá-la, cada lugar terá um significado especial…

Abril em Paris...

Abril em Paris...

O difícil é explicar em palavras o que faz a gente se identificar tanto com um lugar, porque sonhos são subjetivos, você vê as imagens da cidade, e algo te toca, uma sensação de dejá-vu, uma nostalgia…

Ponte Neuf - a desenhei algumas vezes, em outra ocasião colocarei aqui.

Ponte Neuf - a desenhei algumas vezes, em outra ocasião colocarei aqui.

Paris é o berço da modernidade, época da humanidade que mais me fascina, onde tudo que temos hoje no nosso cotidiano começou… toda parte da cidade conta histórias de vários movimentos artísticos, foi cenário das mais belas histórias de amor que conheço… mas esses detalhes, vou desvendar aos poucos com vocês.

paris3

Por enquanto, encerro esse breve post, deixando o clipe tão bonito de “Trully, Madly, Deeply” do Savage Garden, gravado em Paris, mostrando os encontros e desencontros, na cidade que – mais do que qualquer outra no mundo – respira romance…

Uma Lágrima no Rosto da Eternidade…

taj

 

Um poeta assim definiu o Taj Mahal. Eu ainda não visitei a India, mas esse monumento é um dos lugares que povoa meu inconsciente… sempre o desenho, ainda vou conhecê-lo.

Taj Mahal em lápis de cor por Cleide Sousa

Taj Mahal em lápis de cor por Cleide Sousa

O motivo do Taj Mahal chamar minha atenção, sem sombra de dúvidas se deve ao fato de ser um monumento ao amor.  Em 1630 Muntaz Mahal, esposa do imperador Shah Jahan, morreu ao dar a luz a seu 14º filho.  Em homenagem a seu grande amor, o imperador mandou erguer esse monumento, para que toda posteridade soubesse de seu sentimento.

01113145500

Foram mais de 16 anos para construí-lo e ocupou o trabalho de 20 mil homens. O monumento foi todo construído em mármore branco e incrustrado de pedras preciosas. O material necessário veio de toda parte da India, trazido por mais de mil elefantes.

taj_mahal_in_india

Quem já o visitou, conta do seu clima mágico, de como muda de cor durante o dia. Eu só tive oportunidade de vê-lo por dentro em cenas de cinema, mas é majestoso!

Sem dúvidas é o maior monumento do mundo ao amor…

taj-mahal-agra-lg

Localiza-se em Agra, Uthar Pradesh, India.  Não há muitos outros atrativos na região, mas há um hotel construído com todas janelas com vista para o Taj Mahal, que segundo os viajantes, compensa a pernoite por aquelas paragens.

Meu olhar sobre o Taj Mahal - óleo sobre tela

Meu olhar sobre o Taj Mahal - óleo sobre tela

O Taj abre às noites de lua cheia, dizem que é o melhor momento para visitá-lo  especialmente às sextas-feiras quando a entrada é gratuíta e os moradores locais passeiam por lá alegrando a cena.

india20-20taj20mahal20w_young20girlgerald20brimacombe

Bom, eu não sei se a história do imperador e sua raínha era uma história de amor verdadeiro,  só eles sabem… mas o monumento erguido à esse amor está até hoje dando o  testemunho para quem quiser saber…